Boca Quente

Boca Quente

A boca fumegante
na cabeça o demônio de fogo,
no pescoço a medalha de sorte.

No balde três gotas de amaciante,
localizam o tempo,
o restaurante e as três gotas de pimenta ,
sussuram os dentes, os peitos de azeitonas.

Desbotada a fotografia inexistente.
Corpo laço sobre a cama desarrumada.
Uma má digestão e estas lembranças.

Um sorriso de alívio
percorre lento
a gaveta do armário a procura de um anti-ácido.

Também pode querer ver isto …

Postar Comentário

Seu endereço de email não será publicado Required fields are marked *